Bullet journal 2019 – Março

Olá! Fevereiro passou rápido e fiquei bem atarefada, além de ter ficado gripada, então fiquei ausente aqui e devendo trazer vários artigos que quero escrever, mas aproveitei a pausa do carnaval para dar um pulinho aqui e te mostrar como vou organizar meu mês de março.

Esse mês eu escolhi o tema Girl Power para compor as semanas em comemoração ao mês da mulher e esse tom coral que combinou com os adesivos que comprei da Andressa do @cruellaatelie. Achei que ficou bem lindinho!

Na capa de março usei um layout bem básico, apenas escrevi março com a ponta pincel, colei um adesivo com uma inspiração para o mês, leitura e tranquilidade e escrevi GRL PWR.

IMG_20190302_082321540.jpg

Para o registro mensal eu mantive o calendário, tinha pensado em fazer igual ao que o Carroll propõe no método, mas não consegui e também lendo o livro uma das coisas que ele fala do bujo é que ele é adaptável a necessidade de cada um, então desencanei da necessidade de seguir tão a risca o original.

Deixei um espaço para colocar minhas metas do mês, também tem um espaço para colocar ideias aqui para o blog e para o meu Instagram (já me segue lá? Não! Então clica aqui.) e os livros que eu pretendo ler e comprar, pesquisar mais sobre outros e fazer resenhas de alguns. Em seguida coloquei minhas páginas favoritas, memórias e gratidão, mantendo um layout simples, mas que tem funcionando bem para mim. Acrescentei uns adesivos fofíneos para dar um ar mais alegre.

Agora vou falar sobre as novidades no meu bujo, esse mês resolvi colocar meu Sleep Log e Habit Tracker em duas páginas separadas do spread semanal, já estou habituada a preencher essas páginas e acho que vou lembrar de preenchê-los, diferente de antes, depois conto se vai dar certo.

Mês passado fiz entre as semanas um planejamento de minha rotina ideal em uma página separada e gostei muito, ela é um esboço daquilo que devo fazer para meu dia fluir sem estresse e atrasos, então resolvi mostrar para você aqui, pois já havia colocado lá no meu IG.

IMG_20190207_080418030.jpg

Meu registro semanal voltou a aparecer aqui. Lembra que em fevereiro eu tentei usar o registro diário? Então… não deu certo eu ficava ansiosa para colocar tudo que havia planejado para a semana e esse é o objetivo oposto do método. A diferença é que agora ele tem muito mais espaço para eu anotar aquilo que aconteceu no dia.

O que eu usei: caderno Leuchtturm1917, caneta Tombow dual brush 873 (Coral), caneta unipin 0.1, canete Tombow fudenosuke hard, adesivos da Cruella.

E era isso que eu queria mostrar a você do meu planejamento mensal! espero que tenha gostado. Beijinhos e até breve! Fale um pouquinho como você se organiza também.

 

 

Anúncios

Planejando meu mês de dezembro

E dezembro chegou… será que só eu acho que o mês de dezembro passa em um piscar de olhos? Não sei se é porque são muitas atividades, muita coisa para pensar e fazer… tem lista de presentes para pensar, preços para pesquisar (afinal não dá para sair comprando sem pesquisar o melhor custo), compras para fazer, cartões para escrever (sim, ainda prefiro cartões), organizar a ceia de natal, receber a família e os amigos ou até mesmo viajar, mas o fato é que de repente já chegou o natal e o ano novo. Então é necessário planejar bem cada atividade para assim evitarmos o estresse, não é mesmo?

Hoje vou mostrar como ficou o meu mês de dezembro e também aquilo que eu mudei para melhor atender esse mês mais corrido. Então vamos lá…

Mais uma vez coloquei uma capa, mas não gostei do resultado dela, sabe quando a gente pensa uma coisa, tem uma imagem nítida na mente de como quer fazer e simplesmente não sai… pois é, foi assim esse mês com a capa de dezembro, mas coloquei aqui a primeira capa para você ver que nem sempre as coisas dão certo, mas não é por isso que vamos desistir…

Então eu fiz uma segunda capa, ou uma contracapa, se preferir, e precisei adaptar o calendário, pois é fim de ano e a quantidade de folhas do meu caderno está a conta, ele deu certinho para o ano todo. Aí acrescentei também minhas metas e espaço para a lista de livros que quero ler e que preciso comprar para o próximo ano. Abaixo eu coloco as duas imagens para você comparar.

Acabei gostando bem desse layout, pois ficou bem mais espaço para escrever minhas metas e anotar os livros, além de ter um espaço extra ali embaixo, caso precise anotar outras coisas… vamos ver se vou me adaptar a esse calendário minúsculo… pintei as bolas de natal com lápis de cor Faber-Castell SuperSoft.

Mais uma vez fiz meu quadro de inspiração, gostei do resultado da outra vez, no mês passado, então repeti esse mês… coloquei elementos natalinos e escrevi algumas palavras sobre o tema do mês, além de colocar uns detalhes que aprendi a fazer no livro Caligrafia para Relaxar. Ah! Fiz também uma página para lista de presentes…

Mais uma vez eu fiz as páginas de gratidão e de memórias, no mesmo padrão bem simples… mas estou pensando em colocar o desenho de um pisca-pisca para a página de memórias e de uma árvore de natal para a página de gratidão. O que você acha?

E finalmente minha página semanal… Mantive o mesmo layout e usei uns adesivos de uma cartela que ganhei da minha prima… As cores combinaram demais com a paleta que escolhi para esse mês… Mantive meu habit tracker nessa página, tem funcionado bem assim, pois não me esqueço de marcar as coisas mais. Fiz um sleep log também, por enquanto estou apenas marcando o tempo de sono, mas pretendo usar um color code para monitorar também minha qualidade de sono.

Esse desenho que fiz aí é para um desafio semanal de um grupo que faço parte e esse mês o tema é Natal… essa semana o tema será doces natalinos.

Era isso que eu tinha para falar do meu planejamento de dezembro, ele ficou bem clean, sem muita coisas, mas tem sido bem funcional. Espero que tenha gostado…

Esse mês ainda vou colocar aqui uma retrospectiva de cada parte do meu bullet journal, aí vai dar para ver como ele mudou durante o ano e como foi ficando do jeito que eu queria. Além de ver que eu melhorei um pouquinho na técnica de fotografia, composição de fotos e no lettering.

Se quiser me acompanhar se inscreve aqui na página que a cada post novo que sair vai chegar um e-mail para você.

Abraços e até lá!

Como cumprir metas

Olá! Hoje resolvi falar um pouquinho sobre como eu faço para cumprir minhas metas. A primeira coisa que devemos ter em mente é que metas são apenas isso, metas – objetivos a serem alcançados… elas estão ali para nos ajudar, nos nortear, e não para nos fazer ficar tensos e estressados, são uma ferramenta maravilhosa se soubermos usar. Parece óbvio, mas já ouvi muita gente se queixando de que tem muita coisa para fazer… que precisa cumprir tudo… que tem que dar conta de tudo… e quase surtando por querer abraçar o mundo inteiro e fazer tudo de uma só vez. E eu também já fui assim…

Mas então como conhecer nossas metas e como fazer para cumpri-las? A primeira coisa que você precisa fazer é se sentar em um local calmo com um papel e caneta em mãos, se quiser, e gostar, também pode usar marca-texto de várias cores ou canetas coloridas para ajudar na organização. Coloque no papel tudo aquilo que você tem como meta, pessoal e para o trabalho/estudo, não se preocupe em organizá-las agora, basta ir escrevendo e colocando tudo no papel a medida que for lembrando.

Já colocou tudo no papel? Então agora é a hora de separar tudo em categorias – as que são pessoais e das  que são comerciais (vou chamar assim as referentes ao trabalho), para isso você pode colocar ao lado delas as iniciais P (pessoais) e C (comerciais) ou denominar da forma que mais te agrada, ou até mesmo colocar cores. No meu caso eu separo em mais categorias, pois uso uma lista de metas aqui para o blog também e tenho metas para outras mídias, mas que são bem mais pra frente.

Separadas as categorias acima é hora de dividi-las em mais outras três categorias: curto, médio e longo prazo. Esse processo ajuda a tirar a frustração de não conseguir cumprir todas as metas e no processo de organização de esforço e planejamento. Após separa-las nas categorias de tempo a cumprir você pode ainda separar as top três de cada uma dessas categorias, ou seja, quais as metas que são mais importantes e as que você quer cumprir primeiro. Esse processo ajuda a focar naquilo que realmente é importante e evita que gastemos tempo e esforço desordenadamente. Se eu sei onde quero chegar fica mais fácil decidir como chegar.

Feito tudo isso é hora de passar a limpo para uma lista definitiva e deixa-la em um local de fácil acesso e visualização para checar, marcar e registrar aquilo que já atingimos. Sempre que uma das metas do top 3 for atingida uma nova metas deve ser escolhida para preencher esse lugar. Todo esse processo pode parecer demorado, mas é uma ajuda imprescindível para nos fazer economizar tempo, pois o tempo que você investir aqui você vai ganhar muito mais durante a execução. Essa é a diferença entre ser produtiva e viver ocupada e atarefada, sem nunca conseguir cumprir nada.

Quem me acompanha aqui sabe que eu uso o método de planejamento bullet journal e que eu amo listinhas e trackers. E planejamento de metas está entre as coisas que eu também faço, mas muitas vezes elas ficavam esquecidas lá no início do caderno e eu só lembrava delas no fim do ano, então não aconselho a coloca-las em um local onde você não irá consulta-las sempre.

Então, desde janeiro desse ano, eu coloco minhas metas junto ao registro mensal (monthly log), pois é um local que eu consulto sempre, no mínimo uma vez por semana, e passo essas metas para o meu registro semanal quando vou monta-lo. Essa foi uma maneira de visualiza-las sempre e não esquecer de nenhuma delas. Todo mês eu checo as que cumpri e se faltou alguma eu transfiro para o próximo mês. Também estou pensando em colocar essas metas em um quadro no meu escritório, assim toda vez que eu me sentar para fazer alguma coisa vou olhar para elas.

Mas, como tudo na vida, nossas metas também podem mudar e aquilo que hoje era importante para mim pode ser que o tempo mostre que não tem mais nada a ver comigo e com aquilo que quero ou preciso. E esse é o motivo que me faz amar esse processo, porque tudo bem você mudar a medida que você vai crescendo e sua percepção de vida e daquilo que realmente importa vai mudando, você pode perceber que já não faz mais sentido aquela meta estar ali, que você não tem mais interesse naquilo… Mas o que fazer? Simples… basta cortá-la de sua lista e seguir em frente. Eu já experimentei essa sensação de saber o que é importante e essencial e foi muito bom, esse processo é libertador!

Bem… era isso que eu tinha para falar hoje, espero que tenha gostado e que te ajude a se organizar mais. E você, já usa algum tipo de controle de metas? Conta aqui nos comentários ou, se preferir, fale comigo por aqui. Abraços e até a próxima.

Só um exemplo de como organizar sua lista e de que suas atividades devem trazer felicidade.