Trazendo à memória

Uma das páginas que eu sempre deixo no meu bullet journal é a de memórias, cada dia eu escrevo uma palavra que marcou aquele dia para mim e esse mês foram muitas coisas.

Esse exercício diário me faz parar e refletir cada pedacinho do meu dia e tentar ressaltar apenas coisas boas dos momentos tempestuosos, mas é claro que muitas vezes não tem jeito, existem acontecimentos que despertam sentimentos muito fortes e que não tem como desvencilhar, ninguém está imune a situações desfavoráveis.

Esse mês aconteceram muitas coisas na minha vida e que me fizeram refletir, celebrar e chorar… cada uma delas foi colocada como lembrança a ser sempre consultada, estão marcadas nessa página.

DSCN4162

Esse mês aproveitei muito o tempo em família, fomo a praia e aproveitamos um mar calma, a água na temperatura certa, o sol estava agradável, me lembrou meu tempo de infância onde ficava horas dentro do mar. Esses momentos me proporcionam uma sensação de bem-estar imensa, parece que todo o estresse desaparece.

Fui a algumas cafeterias novas para conhecer novos lugares e desfrutar de novos sabores, além disso também conheci algumas marcas de café gourmet e pude trazer para casa café excelentes para aproveitar pelas manhãs, depois das 14h não posso tomar café, meu sono se vai… então a tarde geralmente curto tomar um chá, o que eu mais gosto é o de frutas silvestres.

Aprendi muitas coisas novas, experimentei novos desafios e estou amando cada um deles, estou praticando lettering sempre que possível, pensando até em participar de um workhop, melhorei um pouquinho, mas ainda preciso melhorar bem, às vezes sou impaciente e esqueço que tenho que desenhar as letras,aí quando vejo, já foi escrita meio desajeitada.

Outra coisa que marcou esse mês foram minhas leituras, minha meta é ler quatro livros por mês, mas já bati essa meta e estou lendo três ao mesmo tempo, não sei se vou conseguir termina-los ainda esse mês, mas estou muito feliz com os resultados.

Teve churrasco na casa da Dani, muitos amigos queridos juntos, aproveitamos os momentos de diversão para estreitar nossos laços, é muito bom quando se trabalha com pessoas tão especiais, que parecem uma família.

Celebramos a vida através dos aniversários de muitas pessoas especiais, março é aniversário de muitos primos e também de minha mãe e dos meus dois sobrinhos, fico muito feliz em poder celebrar com eles mais esse ano que Deus permitiu que estejamos juntos.

Ao contrário, também foi um mês em que perdi uma colega de trabalho, ainda tão jovem e cheia de sonhos, isso me fez refletir sobre a brevidade da vida, sobre a finitude de todas as coisas, mas também na esperança do porvir. Acreditar que aqui é apenas uma fração do que nos espera faz toda diferença na maneira que vamos nos portar diante da morte, mas nem por isso diminui a dor.

As águas de março foram muito presentes no início do mês, mas depois deram uma trégua, então viajamos um pouquinho, aproveitar o tempo de descanso mudando a rotina é sempre maravilhoso, aproveitar a companhia da família, reservar tempo para as pessoas que amamos.

O ócio criativo foi muito importante nesse período, sempre que posso aproveito meu tempo para relaxar e aprender coisas novas e que me deem prazer, mas não confundam ócio com preguiça. Ócio criativo é um tempo em que há uma pausa nas atividades laborais e que aproveitamos para ter atividades para descansar e ter momentos de lazer, geralmente o meu é a noite, mas como fiquei de férias duas semanas eu o estendi as tardes também.

Bom… esse foi o resumo do meu mês… espero que o mês de vocês tenha sido bom. Vocês se lembram de tudo que aconteceu? Que tal fazer esse exercício também, anotar cada detalhe de cada dia. Depois me contem o que acharam. 🙂

Anúncios

Planejando o mês de abril

E chegou a hora de planejar o próximo mês, como passou rápido… vocês também tiveram essa sensação?

Bem, esse mês eu escolhi a cor coral como minha paleta de cores do tema, é um cor alegre e quente, e usei umas washi tapes muito fofas que comprei em uma papelaria que eu simplesmente amo, no final coloco a lista de materiais que eu usei.

Mas vamos conhecer o mês de abril… a capa eu fiz muito simples mesmo, estou aprendendo ainda a fazer esses letterings, mas até que melhorei, se eu praticasse mais ficaria melhor, mas aproveito meu tempo livre para ler e quase não estou praticando.

Coloquei a washi tape na borda da página, amei essa bonequinha e os tons das cores, bem discretos.

No monthly log dessa vez fiz o calendário do mês utilizando duas páginas do caderno, pois mês passado ficou muito apertado e não dava para escrever quase nada, e enxuguei mais o meu habit tracker. Se vocês observarem eu não coloquei nada referente ao blog esse mês, vou fazer separado e acrescentar as metas para o Instagram e Twitter também.

Para dar uma charme a mais coloquei essa washi tape listrada na borda da página e como na página anterior também tem washi tape ficou como se fosse uma marcação do mês, aí facilita abrir rapidinho no mês, pois para ser sincera acabo não olhando muito o índice, só quando não encontro mesmo.

DSCN4125

Na página seguinte acrescentei as metas e notas para o mês, essa página não pode faltar no meu planejamento, pois muitas tarefas não precisam ser realizadas em uma data específica, mas dentro do mês e aí não corro o risco de esquecer e nem fico reagendando desnecessariamente.

Outras páginas que eu gosto muito é a de memórias e a do diário da gratidão. Na página de memórias coloquei apenas uma washi tape finhinha (7,5mm) e procurei escrever com uma letra bem redondinha, não ficou muito, mas acho que ela está melhorando.

DSCN4130

Na página do diário de gratidão fiz a mesma coisa, ficou bem simples mesmo, mas eu gostei muito, é aqui que eu separo para agradecer por cada detalhe que aconteceu comigo no mês, mesmo que não tenha sido como planejado.

DSCN4132

Na página da semana – weekly log – fiz um design diferente, estou testando coisas novas, então coloquei uma colagem com papel craft e coloquei os dias da semana mais assimétricos, para dar uma quebrada na monotonia, além de colar alguns washi tapes. Vamos ver se vai ser funcional, se eu gostar mantenho na segunda semana esse layout, se não vou tentando encontrar o que for melhor no meu dia a dia.

Então é isso, esse mês foi bem tranquilo, pois não acrescentei nenhuma coleção ainda. Como prometido segue a lista de materiais que eu utilizei: Notebook Leuchtturm1917 A5 dotted, Caneta Tombow dual brush 905, Caneta Tombow dual brush 873, Caneta Tombow dual brush N25, Conjunto de Washi tape Santoro London Gorjuss, Caneta staedtler triplus fineliner, Caneta mitsubishi Unipin fineliner 0.3, Papel craft.

Atenção: Eu não recebo comissão de nenhuma das marcas mencionadas, apenas postei para saberem quais os acessórios eu usei.

Meu livro do mês – O que o sol faz com as flores

Este mês li vários livros diferentes do que estou habituada, um dos que mais gostei foi O que o sol faz com as flores, da autora Rupi Kaur, e simplesmente fiquei encantada com sua forma de escrever. É uma autora jovem, tem apenas 25 anos, mora no Canadá com os pais e quatro irmãos, mas nasceu na Índia.

O livro foi lançado esse mês pela editora planeta, tem 250 páginas e é dividido em cinco partes que são denominadas murchar, cair, enraizar, crescer e florescer. Os textos são curtos, mas de uma riqueza de sentimentos que prende a cada página, a autora imprime todo o sentimento e sua vivência em cada poema.

Não pretendo aqui fazer uma resenha profunda do livro, apenas citar aspectos que mais chamaram minha atenção. Os textos são fortes em alguns momentos e expressam todo o sofrimento vivido por Rupi e sua família ao chegarem a um novo país, falam de deslocamento cultural, sobre aborto de meninas.

Um dos textos traça o aspecto cultural do infanticídio feminino/feticídio feminino de 1790 até 2012, tem um texto é como se fosse a própria autora pedindo que não a abortassem apenas por ser menina. Cada poema lido nos faz pensar em como nos relacionamos com o mundo ao redor e com nossos sentimentos, nossos corpos, nossa família, nossos parceiros, nossos dilemas.

O que eu mais gostei é a forma como ela expõe seus sentimentos conflitantes e sua dor de forma tão crua e simples, sem muitos floreios, sem romancear. Alguns textos tratam da despersonificação da mulher frente a uma cultura que a trata como objeto descartável.

É um livro de leitura fácil e sem muitos mistérios, alguns poemas são bem simples em sua estrutura, no entanto são de uma simplicidade singela e que compõem de maneira substancial a totalidade da obra.

Quer conhecer um pouco mais sobre o trabalho da Rupi, acompanhe-a pelo Instagram @rupikaur_ tem várias fotos e textos.

Acompanhando minhas leituras

Sou apaixonada por livros e ler é algo que me deixa feliz e realizada, para  mim é um prazer e uma forma de relaxar. E como amo planejar tudo, não é diferente com a leitura, por isso criei várias coleções no meu bullet journal para acompanhar e planejar cada livro que quero ler ou que já li.

Chamo de meu bujo literário e aqui falo um pouquinho de cada uma dessas coleções e de como elas me ajudam a organizar e aproveitar melhor meus momentos de leitura.

1- Minhas metas literárias para 2018:

Esse ano eu pretendo ler 48 livros, para isso eu preciso ler 4 livros por mês, essa coleção me ajuda a saber se estou conseguindo manter essa meta e ajustá-la quando necessário para conseguir atingir meu objetivo. Então fiz 48 campos e coloquei o número, cada vez que termino um livro eu marco um dos campos, bem simples mesmo. Aí, para ficar mais charmoso, usei canetas coloridas e marco com traços coloridos.

DSCN4098

Deixei um espaço embaixo, se eu ler mais do que minha meta tem espaço extra pra marcar. 🙂

2- Livros que eu li: esse layout eu já mostrei aqui, mas sempre é bom lembrar e eu amo essa estante e preencher cada livro desses é muito bom, fica mais completo e é uma vitória conquistada. Aqui eu coloco todos os livros que eu li por diversão, ou seja, não precisei ler para meu trabalho ou para nenhum curso, foi escolha minha mesmo.

Mas lembrando como usa, aqui os livros ficam com as lombadas em branco e quando eu termino de ler escrevo o nome do livro, depois dou uma colorida para enfeitar.

Já usei essa estante de outra forma, eu escrevia todos os nomes dos livros que eu pretendia ler e depois que terminava eu os coloria, mas aí eu ficava na obrigação de ler o livro ou teria que usar correto para tirar o nome, então mudei… essa é a beleza do bujo.

DSCN4106

3- Livros que eu quero comprar: como toda pessoa que gosta de livros eu também leio blogs sobre literatura e procuro sempre referências sobre o tema, então anoto o nome dos livros sobre os quais eu li e me interessei (muitas vezes não lembro o nome do autor mais e não tenho como anotar na hora). então anoto quando chego em casa ou quando consigo.  Quando compro o livro eu coloco um X na frente do nome e quando desisto de comprar eu corto o nome da lista, simples assim.

DSCN4104

4- Livros que eu comprei: Então… quando cada livro dessa lista que falei antes é comprado eu coloco na lista seguinte e separo por mês, geralmente eu compro os livros no início de cada mês e sempre renovo minhas leituras, tenho sido o mais eclética possível. Às vezes compro livros que não estavam na lista de desejos anterior.

DSCN4102

5- Acompanhamento de leituras: como leio vários livros ao mesmo tempo acompanho a evolução das leituras nessa página, separo por capítulo e vou colorindo a medida que eles são lidos. É bom ver a evolução de cada um e dá uma sensação de meta cumprida.

DSCN4099

Bem, esse é o meu bujo literário até agora, mas tem duas coleções que quero fazer, só que ainda estou pensado no layout que vou usar: Acompanhamento de gêneros literários e Completando minhas séries e quando estiverem prontos vou colocar aqui.

Além disso tenho me esforçado para ler livros digitais e quebrar um pouco o preconceito com esse formato de livro, pois a praticidade de ter vários livros a mão e poder ter horas e horas de leitura sempre disponível tem me feito repensar um pouco sobre o tema.

Bem, era isso que eu queria mostrar hoje… espero que tenha gostado. 😉

Planejando o mês de março

Como o tempo está passando rápido, o mês de fevereiro já está no final e estou planejando meu bullet journal para o mês de março. Esse mês fiz algumas alterações no layout do meu planejamento e vou explicar aos pouquinhos porque decidi mudar.

Gosto de colocar uma capa de abertura em cada novo mês e na capa de março coloquei dois desenhos, uma borboleta e uma flor, a borboleta é porque quase todos os dias, nessa época do ano, encontro uma voando aqui pela manhã quando vou sair para trabalhar, às vezes são enormes e outras vezes pequenas, às vezes pretas e brancas e outras são multicoloridas. E como elas são atraídas por flores, coloquei também a representação em meu desenho.

img_5465

A ideia desses desenhos foi emprestada de meu livro de colorir, peguei uma parte de dois desenhos maiores e fiz a composição aí de cima. Gostaram?

img_5464

Esse mês mudei meu log mensal, antes eu usava como uma coluna com as datas dispostas em cada linha e as anotações iam na frente, mas eu não usava muito essa parte. Quer lembrar como era? confere aqui.

Então esse mês eu fiz um mini calendário e coloco só as datas importantes, ou compromissos que eu não posso mesmo esquecer, acho que a visualização fica melhor. O layout ficou assim, gostei mais, depois eu conto se foi mais funcional também.

DSCN4079

Em seguida eu coloquei meu habit tracker e minha lista de metas e notas para o mês de março. Como vocês podem ver dei uma enxugada no meu habit tracker, pois muitas coisas eu não conseguia cumprir e percebi que umas perderam a importância e outras  eu resolvi adiar, pois preciso organizar várias coisas antes de fazê-las. Aí ficou desse jeitinho que vocês podem ver.

DSCN4082

Agora o tracker ficou com as datas na vertical, acho que vai ficar mais fácil de marcar, e as datas que eu tenho que cumprir para as coisas aqui do blog eu destaquei, para não parecer que eu fiquei muito preguiçosa no mês e deixei de fazer muitas coisas.

DSCN4081

Em seguida coloquei meu diário da gratidão, esse não pode faltar, expliquei porque gosto tanto dele nesse artigo aqui. Experimente também ter um, tem gente que coloca uma palavra só, outras pessoas desenham e eu gosto de escrever mesmo.

DSCN4083

Esse mês deixei uma página reservada para pensamentos do mês, não tem nada de mais, apenas escrevi pensamentos do mês e vou colocar algumas frases ou lembretes para me direcionar no mês de março, para quando as coisas ficarem confusas ou pesadas.

E finalmente chegamos nas páginas do log semanal, que também resolvi mudar o layout, o do mês passado ficou com número pequeno de linhas e eu estava sentindo falta de colocar uma parte para tarefas ou anotações que precisava atentar para a semana, mas que não necessariamente teriam que ser em um dia determinado, como por exemplo lavar roupa de cama, fazer compra de supermercado, entre outras coisas. Então ficou assim, com essa carinha de livretos.

DSCN4085

Nas duas paginas seguintes deixei para as memórias do mês, que eu gosto de colocar em uma ou duas palavras tudo que vai acontecendo durante o mês ou até mesmo algumas fotos. Depois posto aqui para vocês verem.

Ah! Esse mês vou testar um layout de planejamento de alimentação, então coloquei no meu bujo antigo para testar o formato, são cinco post-its (segunda a sexta) onde anotarei os pratos que pretendo fazer e embaixo deixei espaço para dois post-its maiores, onde vou anotar o que comprar para fazer esses pratos. Então toda semana é só trocar os post-its e refazer o cardápio e a lista de compras.

DSCN4087

Vou ver se vai dar certo e se é a melhor forma de planejar a minha alimentação. Depois conto as impressões que tive.

Como sempre eu tive uma ajuda na elaboração do meu bujo nesse mês, Tom Zé!

img_5462

Nina Maria já é mais comportada, se contenta em ficar do lado quietinha, mas ela está sempre junto também.

DSCN4089

Era isso que eu tinha pra mostrar esse mês. Espero que tenham gostado. Beijinhos.

Mimos delicados

Mimo é um gesto ou carinho, meiguice, delicadeza, um presente delicado e até mesmo inesperado (definição aqui). E olhando aqui algumas das minhas coisas que mais uso percebi que tenho muitos mimos, pois são um pouquinho do carinho de pessoas que eu gosto e que tiveram esse cuidado em demonstrar que também gostam de mim.

O mimo não é o objeto em si, mas a intenção de demonstrar carinho, tanto de quem presenteia ou mesmo do artesão ou artista que produziu aquele produto e resolvi compartilhar um pouquinho desses mimos que recebi.

Hoje vou mostrar minha Instax Mini 9 que ganhei do meu marido.

DSCN4076

Vou começar por ela porque simplesmente amei recebê-la. Sempre gostei de fotografia e , acho essas fotos delicadas e lindas e dá pra fazer muitas coisas com elas, desde móbile com nossos momentos preferidos (ainda não montei o meu, mas quando montar posto aqui) e até colocar no bullet journal em nossa página de memórias, depois vou postar aqui, além disso elas cabem na carteira, dá pra levar aquele momento especial pertinho da gente.

Captar momentos e registrá-los com ela é meio que “mágico”, a gente fica esperando para ver o resultado e saber como ficou a imagem, uma coisa meio antiguinha, mas que tem um certo charme que não existe mais hoje. Atualmente todas as fotos são tratadas, cheia de filtro e se pode controlar o que se quer capturar, ficam todas parecidas e repetitivas., sem muita espontaneidade.

A Instax Mini 9 tem essa cara meio retrô e essa cor que eu amei, é delicada e bonita. Esse modelo tem opção de selfie, pois tem um espelho que facilita o enquadramento, e uma lente que ajuda na captura de detalhes em pequenas distâncias.

Tem também seletor de ajuste de luminosidade, ela determina automaticamente o melhor brilho para tirar uma foto, para isso basta ajustar o seletor na posição que estiver iluminada.

Ela não tem visor digital, então cada foto será uma surpresa, o tamanho da imagem é 62 x 46 mm e as fotos tem uma moldura que varia de cor conforme sua escolha, pode ser branca, preta, azul ou rainbow, que dá para fazer anotações sobre o momento e personalizar ainda mais suas fotos. Também tem filme monocromático, vou experimentar ainda.

Essa foi a primeira foto que eu tirei, quando cheguei em casa e a encontrei não aguentei esperar me arrumar e fui logo testar, então não reparem na cara de cansados com que saímos. Ah! Também esqueci de colocar a lente macro, mas até que não ficou ruim. Parecia até uma criança com brinquedo novo.

img_5415

Bem, era esse mimo que eu queria mostrar a vocês hoje, espero que tenham gostado. Se vocês quiserem curtir as fotos eu vou postá-las sempre que possível no meu Instagran @colorindoideiasbr.

Planejando meu bullet journal de fevereiro

Olá! Como hoje é o último dia de janeiro e estou montando o planejamento do mês de fevereiro no meu Bujo resolvi mostrar a vocês como ele ficou, quem sabe mais alguém se anima a fazer também.

Na capa do mês fiz um desenho de um cacto, acho muito fofo, combina com o calorão que está fazendo aqui onde moro e é fácil de desenhar, mesmo para quem não tem habilidades artísticas como eu.

DSCN4011

Logo depois fiz meu monthly log, dessa vez coloquei as datas no meio da página e ficaram duas colunas, uma vou usar para minhas tarefas pessoais e a outra para o blog, no outro lado as metas e notas também divididas para essas duas áreas.

DSCN4012

Na página seguinte coloquei meu habit tracker do mês, bem minimalista, amo essas canetas em tons claros, pastéis.

Esse mês espero conseguir melhorar alguns hábitos, como fazer atividade física, manter uma dieta saudável, passear com meus pets e praticar lettering (chegaram minhas canetas tombow 🙂 ).

DSCN4014

O próximo item é o daily log, em janeiro fui colocando dia a dia as tarefas e atividades que precisava cumprir, percebi que gasto por dia quase sempre a mesma quantidade de linhas, então deixei o espaço e escrevi todas as datas, pois senti falta disso em janeiro, quando queria já colocar tarefas que já estavam agendadas e ainda não havia a data, consegui não me perder utilizando post-it com as tarefas e eventos, mas ficava ansiosa para passá-los para o dia logo.

DSCN4016

Para o blog coloquei um quadro com tarefas que sei que quero cumprir, artigos com temas específicos para esse mês, aí ficou assim, fiz outro quadro com temas para fotografias que quero postar aqui e no meu instagram.

DSCN4015

As últimas página reservei para registrar minhas memórias do mês e também o diário de gratidão, essas páginas são simples mesmo, apenas escrevo o título com letras maiores e com uma cor que eu goste. Geralmete uso uma mesma cor para o mês inteiro, essa é a Tombow Blush (nº 772).

DSCN4018

E como hoje é o último dia do mês escrevi uma frase que espero que seja realidade para todos vocês.

DSCN4020

Olha quem veio planejar o mês comigo, esse é o Tom Zé que está doido pra pegar minhas canetas. ❤

DSCN3872